8 coisas que você deve saber para salvar a sua vida em situações de perigo


Nunca sabemos quando, no nosso dia a dia, podemos passar por algum momento de emergência. Pensando nisso, listamos aqui 8 coisas que você deve saber para que possa salvar a sua vida em situações de perigo. Confira!


8 COISAS QUE VOCÊ DEVE SABER PARA SALVAR SUA VIDA EM SITUAÇÕES DE PERIGO


1. Em caso de explosão, deite no chão e abra a boca.

Exatamente: abra a boca. De acordo com o livro de Cade Courtley, ex-membro das Forças Especiais da Marinha dos EUA, a maior parte dos danos causados por bombas são internos. No momento da explosão, se o seu corpo está completamente selado, as vibrações e a própria pressão gerada pela bomba ficam presas dentro de você, podendo causar danos fatais. Mas mantendo a boca aberta, você pode evitar que os ferimentos sejam tão graves, já que oferece uma “rota de saída” para a pressão. Em alguns casos, isso pode ser um diferencial para a sobrevivência.


2. Aprenda a não hesitar.


Para muitas pessoas, isso não é fácil. Na hora de agir, se estamos muito assutados podemos ficar travados e simplesmente não conseguir agir. Entretanto, é importar tomar decisões rápidas e agir da maneira necessária no momento certo. Muitas vezes sequer devemos pensar se nossas decisões estão certas ou erradas – o que não podemos, nestas ocasiões, é ficar parados.


3. Levante a cabeça em caso de perigo, e mantenha a calma.


Na maioria das situações de perigo, costumamos olhar para baixo e apressar o passo sem pensar. Entretanto, fazendo isso acabamos passando uma sensação de vulnerabilidade, tornando-nos presas em potencial. Por isso, o mais indicado é que quando você identificar algo ou alguém que possa lhe oferecer riscos, você levante sua cabeça e mantenha o perigo na sua visão periférica.


4. Onde você estiver, conheça pelo menos três saídas.


Esta é mais uma dica baseada na publicação do benjaminmcevoy.com, que cita o livro de Cade Courtley. O ex-membro da Marinha Estadunidense diz que, em qualquer lugar que você esteja (shows, cinemas, aeroportos, etc) é importante ter em mente pelo menos três saídas. Desta forma, em caso de emergência, você não ficará perdido procurando as saídas de emergência, e saberá exatamente para onde começar a correr. Isso pode lhe fazer ganhar alguns minutos importantes.


5. Tenha sempre certeza de que não esqueceu seus pertences básicos antes de sair de casa.


Crie o hábito se perguntar, antes de sair de casa, se você está levando tudo que precisa. Mas mais importante é ter certeza de que não está esquecendo pertences básicos como a sua carteira, chaves e um celular carregado. Dentro da carteira é importante que você tenha algum documento de identificação, para ajudar no seu reconhecimento caso algo aconteça com você. Além disso, seu celular pode ser extremamente importante para chamar ajuda durante uma emergência – talvez a sua vida, ou a vida de alguém, dependa de uma ligação sua.

6. Aprenda a prender a respiração.

Prender a respiração pode ser crucial para sua sobrevivência, por exemplo, em casos de incêndio ou acidentes na água. Quando um lugar pega fogo, muitas pessoas acabam morrendo por conta da fumaça, e não diretamente pela ação do fogo. Por isso, ter o hábito de ficar calmo e prender a respiração é extremamente importante, e você pode praticá-lo em casa.


7. Peça desculpas se você esbarrar em alguém. 


Quantas vezes você já esbarrou em alguém enquanto estava caminhando na rua, principalmente em vias muito movimentadas? Às vezes até esquecemos de nos desculpar por esses encontrões, mas é importante que sejamos gentis e peçamos perdão. Isso porque você nunca sabe com quem está lidando. Você não sabe se a pessoa do outro lado está armada, ou se é um criminoso. Por isso, seja cortês e tente não provocar quem você não sabe como irá reagir.


8. Como escapar de um carro que está afundando.


Esperamos que você nunca passe por uma situação desta natureza, mas se você um dia se ver em um carro que está afundando, a primeira coisa que você deve fazer é tirar o cinto de segurança. Pode parecer óbvio, mas em momentos de desespero podemos esquecer de procedimentos mais simples. Depois disso, tente abrir a janela do seu carro da maneira convencional, apenas quebrando-a se for realmente necessário. Isso é importante pois a pressão da água provavelmente fará com que a porta fique travada, mas isso muitas vezes não acontece com o vidro.







Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.